Eleições

Se alguém quiser ver os meus “ramblings” sobre isso, estão aqui (em inglês).

Mas acrescento uma coisa, aqui, só por piada.

Em muitos aspectos, considero que o Santana Lopes é o “Bush português”. E isso é muito depreciativo. Já o achava antes de ele ser presidente da câmara de Lisboa. Basta ouvi-lo falar…

A diferença é que os americanos, depois de 4 anos, não aprenderam, não viram o atrasado mental que têm a mandar no país. Nós, portugueses, demorámos apenas uns meses a perceber. E fizemos alguma coisa a respeito. We rule! 🙂

Os comentários estão fechados