Como sobreviver a um ataque de zombies

O que estou a ler:

The Zombie Survival Guide

Está lindo! Recebi-o ontem e já li metade (e não é assim tão pequeno). A parte melhor do livro é que em parte alguma o autor trata aquilo como uma brincadeira – muito pelo contrário, o tom de todo o livro é 100% sério; aprendemos a preparar-nos para um ataque de zombies (que pode vir a qualquer momento, como toda a gente sabe), para onde fugir, que armas usar em caso de ser necessário combater, etc.. Aprende-se tudo sobre o que é um zombie, a origem deles, do que eles são capazes, a psicologia deles, o que estudos sobre os mesmos revelaram. O livro chega ao ponto de descrever o que fazer num mundo dominado por zombies, caso eles surjam em número tal que a civilização, tal como a conhecemos, caia.

Recomendo vivamente. Pode parecer absurdo, mas nunca se sabe quando nos pode salvar a vida.

11 Comentários a “Como sobreviver a um ataque de zombies”

  1. velvetsatine diz:

    Pois, parece-me mt útil. 😀

  2. Ri-te, ri-te. Quando tiveres a casa rodeada de mortos-vivos e não souberes por onde fugir nem tiveres meios de te defender, vais-me dar razão (nos teus últimos minutos de vida). 😀

    • cesar filho diz:

      olha sem modos de defesa,sem saída
      muito simples se a casa esta rodeada de mortos-vivos
      opção 1
      possivelmente ela e um casa que ficaria perto de um cemiterio e todas elas tem um porão e todo porão,você procurando acha uma saída pelo esgoto possivelmente quando sair
      se não tiver zumbies corra mas se tiver e bom se garantir no kung-fu.
      ou ter sorte e torcer pra que os zumbis forem do ritual sagrat,que são zumbis lentos,estupidos e etc…
      opção 2
      claro que você pode abrir a porta e deixar algo temporario(mesa,geladeira que fica na por praque eles não passem mas ate uma hora eles vão passar)enquanto eles se destraem
      voce quebra o teto da casa então o objeto temporario(mesa,geladeira e etc…)
      que esta na porta impedindo que eles entrem vai se quebrar uma ora e quando o objeto se quebrar
      voce já vai estar no telhado e vai pular e em silencio vai correr para um canto bem distante dali

      espero ter ajudado.

  3. velvetsatine diz:

    LOL

    Eu vi os filmes! 😛

    Além do mais hoje vi um filme sobre demónios – The irrefutable truth about demons – e estou preparada para tudo; Zombies inclusivé! Por isso n preciso ler o livro, mas se quiseres fazer um resumo e partilhar, you know, just in case (só para não ter q te dar razão nos meus últimos minutos de vida lol).

  4. Vês, aí está. O livro em questão avisa precisamente em relação aos filmes, que são ficção para entretenimento, e afastam-se da realidade por licença poética.

    Por exemplo, muitos filmes apresentam os zombies como semi-inteligentes, ou originários de magia negra / demoníaca, ou controlados por algum humano maligno. Nada disso é correcto – existem realmente “zombies” controláveis e semi-inteligentes, mas não são realmente mortos-vivos, são, sim, os chamados “zombies voodoo”, que na verdade são humanos vivos, mas “brain damaged” por alguma poção de um sacerdote voodoo, e pela falta de oxigénio quando foram enterrados vivos.

    Verdadeiros zombies *são* mortos-vivos, não são inteligentes, só possuem instinto; não sentem dor nem medo, nem aprendem, nem são de forma alguma controláveis; o seu único objectivo é devorar humanos (o que, coincidentalmente, cria novos zombies a partir dos restos de humanos “infectados”).

    Vês o que se aprende ao ler um livro? Aposto que não sabias nada disto!

  5. velvetsatine diz:

    Pois, estou a ver que de facto o livro pode proporcionar um conhecimento infinito sobre a questão zombie. Eu sabia algumas coisas, mas não sabia realmente tudo. Vou tomar notas; nada como uma pessoa precaver-se: nunca se sabe, né?

    😀

  6. […] Acabei ontem de ler o “Zombie Survival Guide” (já mencionado anteriormente). Depois voltei a ler várias partes do mesmo, e até fui investigar (Wikipedia e afins) sobre algumas coisas mencionadas no livro. […]

  7. […] Dos melhores livros que li nos últimos tempos. Uma obra de arte, do autor do Zombie Survival Guide. […]

  8. cesar filho diz:

    Olha cara,zombies existem la pra as ilhas do caribe(lugar tentador,lindo) existem
    bruxas que voam em vassouras,mortos saindo dos tumulos,sei que voce cara acha que
    é o unico mas não eu acredito.
    Sabe não sei quanto tempo vai durar mas eu quero que saiba que isso vai acontecer
    mas não depende dele sei talvez discorde com isso
    mas eles voltam a vida quando acontece rituais e tem o ritual sagrat e o ritual shanri
    sagrat os mortos são lentos,estupidos,idiotas,caem em qualquer armadilha e etc…
    mas o shanri os zombies são rapidos,velozes,espertos,pulos altos,força 4x maior que a dos
    sagrat.
    Pra ser amigo eu digo que quando não ouver mais espaço no inferno os mortos tomarão a terra,
    é aqueles que não acreditam e mortos vivo vão ser as primeiras vitimas.
    Olha eu acho que nos vamos nos ver muito em breve quando o mundo acabar.
    valeu cara!você e um amigão em 2,e bom ter amigos assim que acreditam na gente
    então depois a gente se fala.

  9. cesar filho diz:

    oi lembra de mim,sou o cesar filho.
    cara os primeiros zumbis estão aperecendo pelo o que eu vi a cidade mais cedo ou mais tarde vai entrar em quarentena.
    foi detectado uma nova especie de vírus.
    to pesqui sando o nome e ainda não achei não.
    amigo voce e muito esperto não vacile.

  10. Pitbull diz:

    Sou grande fã de filmes de zombies (Residente Evil, The Walking Dead, etc…) e gosto bastante de jogar jogos para matar zombies xD ou mods de jogos para matar zombies.
    Tive a ler os vossos comentários sobre esse livro..

    Vocês são malucos, acham que vai haver algum ataque zombie ou domínio do mundo por eles!?

    Dou-vos alguns obstáculos que os zombies teriam de ultrapassar para dominarem o mundo:

    1º- Caso houvesse uma infecção provavelmente seria no início numa quantidade muito baixa, que dificilmente se descontrolaria.

    2º- Se a infecção se espalhar 😛 os zombies teriam de lutar contra as forças armadas desse país onde a infecção começou (provavelmente nos Estados Unidos)

    3º- Caso as forças armadas fossem derrotadas, os zombies teriam dificuldades em “viajar” para outros continentes, porque também se acontecer uma infecção os aeroportos e portos marítimos seriam fechados e secalhar ao país infectado seria enviada ajuda militar… por exemplo se um humano fosse infectado com o vírus mas ainda não manifestar sintomas da infecção viajar para outro país seria 1 zombie contra as forças armadas do país, mesmo que infecta-se algumas pessoas era complicado vencerem as forças armadas.

    4º- Se a infecção dominar o mundo a raça humana não seria extinta porque podíamos ir para outro planeta ou criar um centro espacial para viver até formar humanos especializados para desinfectar toda a terra de zombies e torna-la de novo habitável.

    Cumprimentos,