Coisas que me irritam, parte 3

Pessoas que, quando querem dizer:

Não acho que tenha feito nada de mal, não sei porque é que estás tão chateado, provavelmente na mesma situação volto a fazer o mesmo, mas agora quero que te cales.

dizem, em vez disso:

Desculpa.

7 Comentários a “Coisas que me irritam, parte 3”

  1. Sarita diz:

    Ai credo, espero que a carapuca nao sirva! Porque acho que é mesmo ah minha medida 😉

    • Não me lembro de alguma vez me teres pedido desculpa por nada. 🙂

      • Sarita diz:

        Ah, pois, tens razao, eu sou mais do tipo de andar pelo mundo e nao pedir desculpa a ninguém a nao ser quando olho para trás e questionar-me, onde anda toda a gente (sem reparar onde estou a pisar) 🙂

        Doidos, somos todos doidos Pedrinho.

  2. Ana diz:

    Espera lá,queres dizer que NAO É para isso que se usa desculpa? É que 99% das vezes é para isso que uso a palavra!(ou para sexo lol) Ou isso ou “amo-te”…Lmao

    • É o “desculpa” usado no sentido de “sim, sim, tá bem, desculpa, whatever”. Realmente, como dizes, é muito semelhante ao “sim, sim, amo-te muito, abre lá as pernas”. 😀

      • Ana diz:

        Ou o “Sim,sim,tira-o mas é cá para fora” (sorry,nao tenho muita experiencia em pedir a alguem para abrir as pernas lmao)

        • Oh, vá lá. As mulheres não precisam de dizer isso. 🙂

          Mostra-me um homem que diga “sexo sem amor e um relacionamento assumido não”, e eu mostro-te um fanático religioso à moda americana, ou um tipo emocionalmente e sexualmente reprimido, como o Norman Bates do Psycho… 🙂

          Hmm, isto dava para outro tópico.