Ubuntu 9.10 (Karmic Koala) no servidor

Vi há dias no Planet Ubuntu um dos developers a sugerir algo interessante: que fazia todo o sentido fazer a actualização para o Karmic , visto que no dia do lançamento e seguintes os servidores vão estar “entupidos”, e, considerando que faltava na altura pouco mais de uma semana para sair a versão final, era (e é) extremamente improvável que durante estes dias se descubra algum bug grave; aliás, é bem provável que não haja qualquer diferença entre a final e o que está neste momento disponível por apt-get.

Ontem tratei do meu desktop no trabalho (e o Firefox 3.5.x parece bem mais rápido do que o 3.5.x do Jaunty, e ocupa bem menos CPU mesmo depois de abrir uma página com Flash), e hoje de manhã lá ganhei coragem e actualizei o meu servidor (onde este blog está alojado, tal como todos os meus outros sites).

E, como podem ver (caso contrário não estariam a aceder a isto), o “do-release-upgrade -d” correu bem. 🙂

Alguns pequenos problemas:

  • O MySQL, actualizado do 5.0.x para o 5.1.x, não arrancou bem depois do reboot, por se queixar de uma opção skip-bdb no ficheiro de configuração, que aparentemente já não é válida no 5.1. Retirando essa opção, foi questão de relançar o serviço; ele tratou de parte dos upgrades de tabelas graças ao seu script de inicialização, mas queixou-se de algumas coisas; foi necessário dar o comando mysql_upgrade para ficar tudo bem.
  • Ainda relativamente ao MySQL, apesar de este ter ficado a funcionar sem problemas depois do passo anterior, começaram a aparecer erros destes nos logs:
    [ 1076.896983] type=1503 audit(1256197877.875:89): operation="open" pid=13626 parent=13501 profile="/usr/sbin/mysqld" requested_mask="r::" denied_mask="r::" fsuid=0 ouid=0 name="/sys/devices/system/cpu/".
    Resolvido editando o ficheiro /etc/apparmor.d/usr.sbin.mysqld e acrescentando a linha “ /sys/devices/system/cpu/ r,” (sim, tem uma vírgula no fim) no sítio óbvio (no fim, mas antes de fechar a chaveta).
  • Por alguma razão, o memcached deixou de arrancar sozinho; vi que no ficheiro /etc/default/memcached ele tinha sido desactivado. Foi só mudar o NO para YES.

De resto, parece estar tudo bem. Como bónus, deixaram de aparecer uns erros parvos nos logs, relativamente ao leitor de cartões SD da caixa do PC (que aparentemente é visto como um device USB):

kernel: [937885.330015] usb 1-2: reset high speed USB device using ehci_hcd and address 2

que apareciam mais ou menos de 5 em 5 minutos (nunca usei esse leitor, mas suponho que funcionasse, e esses erros fossem só o kernel a sentir-se sozinho e a querer atenção).

E é tudo. Ah, se têm servidores virtuais nalgum serviço de VPS, por exemplo assentes em Xen, daqueles que “fixam” o kernel e não permitem o seu upgrade, tenham cuidado: este Ubuntu mudou o sistema de arranque, e aparentemente requer kernels iguais ou superiores ao 2.6.27. Tive esse problema num slice que tenho lá fora (no qual tive de copiar os dados e reinstalar o 9.04), onde já actualizava o Ubuntu desde o 8.04 sem nunca ter tido problemas.

Os comentários estão fechados