Entradas com Etiqueta ‘Proxy’

Winamp, auto-tag e proxy

Quinta-feira, 29 de Outubro, 2009

E agora, para variar, uma dica relacionada com Windows! É melhor irem à janela e ver se vêem suínos aéreos. 🙂

Anyway, uma funcionalidade que uso muito no Winamp, no meu Vista de jogos, é o auto-tag: escolhe-se uma música ou lista de músicas, botão direito, “Send to”, e “Auto-tag”. Os resultados em geral são bastante bons, praticamente não há erros (se bem que convém sempre olhar), dá para fazer isso a centenas de músicas em pouco tempo, e, melhor do que tudo, as ele põe as tags de todos os tipos (ao contrário de certos programas em Linux, que só põem de um tipo) nos mp3s em questão: ou seja, as músicas ficam realmente ordenadas1 no meu TomTom (muito picuinhas em relação aos tipos de tags), que uso actualmente para ouvir música no carro, usando o seu emissor FM.

Mas, de há algum tempo para cá, essa opção no Winamp não estava a funcionar. Ele tentava “taggar” as músicas, mas falhava para todas. E já não há versões novas do Winamp há meses, logo o problema não devia ser daí.

O que é que mudou? Até há uns 2-3 meses, estava a usar um servidor de proxy em casa, com todos os PCs configurados para o usar (isto é, não era proxy transparente). Quando o desactivei, mudei tudo para deixar de usar proxy.

Desconfiando disso, reactivei o servidor de proxy temporariamente, e… não é que o auto-tag volta a funcionar? Olho para os logs do proxy, e, sim, lá está ele. Isto apesar de o Winamp estar configurado para não usar proxy nenhum, e o auto-tag em si não ter opções de configuração.

Googlando um pouco, vi que havia mais gente a queixar-se do assunto (“levei o PC à faculdade e activei o proxy obrigatório lá, e agora o auto-tag não me funciona em casa, e, não, não me esqueci de desactivar o proxy”), e uma solução: no Registry, apagar (ou renomear) esta chave:

Computer\HKEY_CURRENT_USER\Software\CDDB\Control\2.5\UserInfo

Problema resolvido. 🙂 Ao usar o auto-tag da próxima vez, ele volta a criar essa chave, mas agora já não se “lembra” que uma vez na vida usou proxy, e não insiste em continuar a usá-lo.

  1. eu, ao contrário da maioria das pessoas, gosto de ouvir álbuns inteiros e por ordem, em vez de ouvir apenas “hits” e por ordem aleatória. Por alguma razão não ouço rádio… []