Stuff

Definitivamente, o spammer dos casinos é um chato. E um idiota, e um cretino.

Vamos ver se agora já não chateia mais. Imaginem que até tentou spammar o MC, também…

Devia escrever mais, mas não sei porquê, sinto-me um bocado stressado neste momento. Talvez seja por o Natal estar próximo, e ainda não ter comprado as (poucas, admito) prendas que quero dar. Talvez por hoje ser o jantar da companhia.

Mas o trabalho até está a correr bem. Acho eu.

Ando cada vez mais “quase dependente” da N-Gage. O maior pesadelo de toda a minha vida, já desde a infância, têm sido as “secas”, e a N-Gage é como se fosse uma “vacina” contra as mesmas. Onde quer que esteja, em qualquer altura, posso sempre continuar a ler um livro, jogar um jogo, ir a um site, falar com alguém. Ando a ler mais nos últimos meses do que nos últimos anos (excluindo esses meses). É mesmo bom – aliás, algo em mim me diz que isso é bom demais para durar. Mas, quem sabe, talvez esteja relativamente livre de “secas”, para o resto da vida. Afinal, a tendência é para que estas coisas se tornem mais e mais comuns…

Mas estou um pouco triste. Não sei bem porquê – acho que é mesmo por sentir que a A. não anda bem, e por andarmos a ter muito pouco tempo para estar juntos. Ao mesmo tempo, sinto também que não tenho tempo nenhum para mim… é estranho, já que parece contraditório, mas é verdade.

Mudando de assunto, o meu nome vem no New York Times de hoje. Nice! 🙂

Etiquetas:

Um Comentário a “Stuff”

  1. tao diz:

    O teu nome no New York Times de hoje (17-Dez-2004)? ~:?
    Humm… deixa ver…
    Nope, acabei de verificar. Nicles batatóides! ~:(
    Podes ser mais específico antes de começares com as gabarolices? ~;>

    E a tua tristeza é simples de compreender: a vida está a correr-te demasiado e tu não estás habituado nem sabes lidar com isso! LOL ~;D

    Espero que tudo te corra pelo melhor este Natal! (e depois dele também, claro!)

    jinhos!